Valentino Rossi

Diz a lenda que Valentino tinha apenas dois anos de idade, quando montou em sua primeira minimoto, equipado com estabilizadores para mantê-lo na posição vertical. Seu pai era um piloto e Valentino seguiu os seus passos, carregando em seu DNA a paixão pelas corridas. Ele começou na Aprilia, na série World Championship 125, onde logo fez sucesso.

Desde o início, ele queria utilizar o número 46, o mesmo que seu pai Graziano tinha usado. Em 1997, ele ganhou o título Mundial com 11 vitórias. Valentino já era uma estrela, então ele subiu para a 250cc e se tornou o mais jovem campeão na história da classe. Subiu para 500cc e se tornou um fenômeno. Depois de ganhar o seu segundo título do Campeonato Mundial, tornou-se o “Doutor”.

Em 2002, seu ano de estreia na MotoGP, ele conquistou seu quarto título mundial. 2003 foi ainda melhor. Seu maior rival era Sete Gibernau, da equipe Gresini, mas Rossi prevaleceu. Valentino, em seguida, mudou-se para a Yamaha, e começou a ganhar imediatamente. Assim como Sheene, Vale sempre presta atenção aos detalhes. Ele é meticuloso e quase fanático quanto ao vestuário e a estética, com a segurança sempre em primeiro lugar. Por esta razão, ele passa muito tempo debatendo com os técnicos Dainese nas pistas. Seu apoio ao projeto D-Air® tem sido absolutamente essencial para o primeiro air-bag eletrônico a ser utilizado no MotoGP.